Algumas pessoas não têm ideia, mas podem ter um bom dinheiro em seu nome só esperando para ser sacado. Um exemplo muito clássico é a Nota Fiscal Paulista, onde a pessoa vai acumulando seu cpf em notas e depois pode pagar parte dos impostos de volta.


Anúncio

Mas ainda é possível contar com grandes somas do FGTS e PIS. Tudo depende de quanto tempo você contribuiu, mesmo que nem saiba disso. Para saber como consultar qualquer um desses saldos, confira a seguir:

FGTS – Como sacar


Anúncio

Primeiramente vamos falar do famoso FGTS. Esta sigla significa Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. É uma conta feita no momento em que o trabalhador é contratado e recebe depósitos fixos todos os meses.

A ideia é que você seja protegido de uma demissão injusta ou mesmo por uma situação problemática que gere o fim da empresa.

Hoje é possível fazer toda a pesquisa através de um aplicativo do governo, o que faz todo o processo ser bastante fácil e rápido.

Você pode conferir o saldo através deste link Clique aqui

PIS – Como saber quanto você tem direito

O PIS (Programa de Integração Social) também é um dos benefícios que o trabalhador brasileiro devidamente registrado tem direito.


Anúncio

Se você cumprir um dos 4 requisitos básicos, será possível sacar anualmente o valor do benefício.

Você pode conferir o saldo através deste link: Clicar aqui

Ou você consegue também acessar direto no aplicativo da sua carteira de trabalho digital. Caso ainda não tenha, clique aqui para baixar e utilizar.

NFP – Consultar saldo

Quem mora em São Paulo já conhece aquela frase: “CPF na nota?”. O estado criou um incentivo de se colocar o  CPF na nota para que você receba um valor no final do ano.

A ideia é que os estabelecimentos acabem recebendo um pedido de se utilizar a nota por clientes que normalmente ignorariam a sua emissão, sonegando assim os impostos.

Se você colocou várias vezes o CPF, ou mesmo uma vez só, pode render uma boa grana, confira aqui: Clique aqui